quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Canudinho de cogumelos e alho poró




Ele não precisa ser só de doce de leite ou baba de moça. Cogumelos, alho poró e um pouco de requeijão completam perfeitamente e conseguem da platéia muitos "uauu, é salgado ? " 


Ingredientes: 
- 1 pacote de canudinhos
- 1/2 bandeja de shitake bem picadinho
- 1/2 bandeja de shimeji bem picadinho
- 1 colher de sopa de shoyo
- 1 talo branco de alho poró em brunoise muito fina
- 1 colher de sopa de manteiga 
- 2 colheres de requeijão cremoso
- 2 colheres de creme de leite 
- sal, pimenta do reino 


Modo de fazer: 
1- Lave o alho poró e retire a primeira pele que é mais dura. Pique e refogue na manteiga. 
2- Misture os cogumelos, doure a fogo vivo, incorpore o shoyo e deixe cozinhar. 
3- No final, adicione o requeijão e o creme de leite e espere esfriar. 
4- Recheie os canudinhos sem a sua irmã do lado, assim você evita que os copinhos decorados cheguem quase vazios à mesa! 

sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Marinada para o peru

Ainda dá tempo de acabar de enfeitar a árvore, fazer as últimas compras e claro, colocar o peru de molho! 
Essa marinada é rápida e com ingredientes que vão amaciar e hidratar o peru, para que ele não fique seco. 
E só para lembrar: nunca nunca passe a faca no bicho, ok?!! Se cortamos ou furamos deixamos que todo suco saia de dentro dele. 


Mas vamolá: 
Para um peru de 6 kgs aprox: 
- 1 garrafa de vinho branco
- 1 copo de suco de abacaxi natural
- 3 dentes de alho amassados
- cravos da índia
- sal, pimenta
- ervas a gosto: tomilho, alecrim, orégano fresco
- 200 gr de manteiga 


Lambuze bem o peru, embale e guarde na geladeira de um dia para outro. Vá virando para que a marinada refresque todos os lados. 
E para todos vocês um muito feliz natal! E que as bençãos de Deus cheguem em cada lar, em cada família! 
um beijo grande e obrigada pelo carinho! 


Meu gatinho já está preparado pra feixxta! 

sábado, 10 de dezembro de 2011

Último dia do El Bulli - o filme





Eu tive a sorte de visitar a Cala Montjoi e fiz parte do último grupo que visitou o Bulli. 
O filme é lindo, emocionante e faz a gente pensar o tempo todo no amor ao trabalho...
Assistam !! 

http://www.tv3.cat/videos/3746730/El-Bulli-lultim-vals

Retirado del blog Cocina con Encanto de mi querida amiga, la periodista gastronomica Alejandra Feldman. Gracias guapa! 

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Lagosta à thermidor




Não sabe o que cozinhar no natal ? Quer um almoço de domingo estonteante ? 
Impressionar @ namorad@? 
Essa é uma receita deliciosa, clássica e que tornará seu almoço ou jantar mais que especial! 


Receita retirada do livro "As melhores receitas de Maria Theresa Weiss" 


Ingredientes para 4 pessoas: 
- 2 lagostas (podem ser frescas, no meu caso estavam congeladas) 
- 1 alho poró
- 2 folhas de louro
- 1 bom punhado de sal grosso 


Para o molho: 
- 3 colheres de sopa cheias de farinha de trigo
- 1 colher de sopa  cheia de manteiga 
- 3 copos de leite
- 3/4 de copo de creme de leite fresco
- 4 gemas
- 1 vidro pequeno de champignos cortados em laminas 
- 50 ml de água dos champignons
- 200 gr de queijo gruyére ralado
- sal, pimenta do reino moída e raspas de limã


Modo de fazer: 
As lagostas: 
1- Em uma panela com água fervendo cozinhe as lagostas com alho poró, louro e sal por 10 minutos. 
2- Retire e deixe esfriar no próprio caldo. 
3- Depois de frias corte com a tesoura começando pelo rabo. Retire a carne e limpe bem a cabeça desprezando o material escuro. Lave as carcaças e pique a carne em pedaços grandes. 


O molho: 
1- Doure a farinha na manteiga sempre mexendo, adicione aos poucos a água do champignon e o leite. 
2- Misture em fogo baixo até obter uma consistência cremosa. 
3- Afaste a panela do fogo e incorpore as gemas uma a uma movendo vigosoramente. Coe o molho e volte pro fogo. 
4- Adicione os champignons e o creme de leite. Tempere com sal, pimenta e raspas de limão bem fininhas. 
5- Coloque o queijo e misture bem. 


Montagem: Coloque o molho dentro da lagosta, queijo parmesão, mais gruyére por cima e gratine. 
Vinhos brancos do velho mundo acompanharam a estrela do jantar! 





quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Doce de leite e morangos da Ana Paula









Quando eu venho pro Rio ela definitivamente é a chef! "Não pega esse copo, não come a minha manga e não faça "vagunça" na minha cozinha" - são as regras. E a pergunta é: quem precisa do Gordon Ramsay tendo uma chef como essa ???? 
Bincadeiras a parte, minha cunhada linda e maravilhosa fez comigo a sobremesa para o aniversário de um grande amigo da familia. E foi muito legal! 


Ingredientes: 
- 3 caixas de morango
- 500gr de doce de leite 
- 100ml de vinho branco
- 2 barras de chocolate meio amargo 
- 2 caixas de creme de leite 


Modo de fazer: 
1- Lave e corte os morangos em rodelas e coloque na travessa.
2- Misture o vinho  no doce de leite e despeje em cima dos morangos. 


3- Derreta o chocolate em banho maria. Apague o fogo e misture o creme de leite. Essa será a segunda capa do doce cobrindo o doce de leite e os morangos. 


Você pode decorar com nozes, amêndoas, biscoitinhos de chocolate, etc...também dá pra colocar em copinhos individuais. Quanto mais charme melhor! 





segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Como tirar cheiro das mãos e da cozinha

Semana passada uma das leitoras sugeriu um post de como tirar os cheiros das mãos e da cozinha. 
Super boa idéia ainda mais agora que as cozinhas são do tipo americanas e muitas vezes o exaustor não dá conta do recado sozinho ! 


Para tirar os cheiros das mãos esfregue limão e enxague bem. É batata!





O cheiro de peixe ou de fritanga que impreguina a cozinha sai fácil com uma mistura de alcóol e cravos. A leitora Simone Pereira dá a receita: "Deixe uma semana para incorporar bem o aroma do cravo no alcóol e borrife pela casa logo após a limpeza". 






De acordo com a Fernanda Viegas dona da loja Vostra casa, é só borrifar um pouco de perfume ou colônia nas lâmpadas e a casa fica com seu cheirinho preferido! 


Só não vale deixar de cozinhar! 




Boa semana pra vocês! 

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Creme de espinafre



Com tropeços de amêndoa, crocante de cabinho e uma lascooona de parmesão


E eu me pergunto por onde anda o calor, o clube no fim de semana, a leitura no sol da manhã, e o chopinho no fim da tarde quente.... Esse quase começo de verão em BH está me lembrando o verão na Holanda! Virna e eu congeladas, com guarda chuva e pés molhados nas filas das atrações turísticas! 
Por isso eu fiz o creme. E também porque ganhei 2 bouquets de espinafre frescos e lindos! Saíram algumas flores, mas eu comi antes da foto e prometo que da próxima vez eu guardo para embelezar o Cozinhando! 


Ingredientes para 5 pessoas: 
- 2 bouquets grandes de espinafre 
- 3 dentes de alho
- 2 batatas grandes sem casca, picadas
- 1 copo grande de leite
- 1 colher cheia de requeijã
- 1/2 cebola 
- manteiga, azeite, sal e pimenta do reino 
- queijo parmesão a gosto 


Modo de fazer: 
1- Lave o espinafre e separe as folhas do cabinho. Reserve cada um separadamente.
2- Coloque uma panela grande com água e as batatas pra ferver. Quando estiver fervendo acrescente as folhas do espinafre e cozinhe por 8 minutos aprox. 
3- Triture tudo com a ajuda do liquidificador e reserve. 
4- Na mesma panela refogue o alho e a cebola na manteiga, coloque o caldo, o leite e o requeijão. 
5- Ferva por 5 minutos. 
6- Corte os cabinhos com uma faca bem afiada e doure na frigideira com azeite. Vai ficar crocante!


Sirva com queijo parmesão, iogurte natural e amêndoas picadinhas. 


Ahhh, dá pra tomar frio também, viu!  

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Bolo de chocolate da Ninoca



Tinha ganache dos lados, brigadeiro de côco no meio e trufas em forma de coração de chocolate amargo! 
A foto ficou ruim, mas o bolo foi feito com muito carinho, pra comemorar o aniversário da minha Nina. E ficou gostoso, viu! 
Quem quer a receita levanta a mãooo ! ‎\o/

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Evite o desperdício!

-Sabe aquela banana que ficou preta na fruteira e que normalmente vai pro lixo? Congele, ela dá uma ótima vitamina de frutas, mais gostosa que com a banana normal.
-Sabe o chuchu ? Cozinhe com casca! É fonte de fibras e aumenta a saciedade. 


-Sabe a abóbora ? A mesma coisa, cozinhe com casca! 



Use as cascas das frutas! 
-Sabe os talos de couve e brócolis? Pique em rodelinhas finas, misture no arroz e faça um arroz verdinho. Que tal uma farofinha? Refogue rapidamente, quanto menos cozido mais crocante. 


-Sabe as folhas da couve-flor e do brócolis? Aquelas, que a gente joga fora.... pois é, elas são fonte de ferro, magnésio, fibras, vitamina K e antioxidantes. Refogadas são deliciosas! 


Aproveite os alimentos, cuidado com cocções demoradas, aproveite os nutrientes e evite o desperdicio! 


* Todas as fotos foram retiradas do www.portalsaofrancisco.com.br 

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Presentes pro Cozinhando








Melhor que ganhar mil presentes é ter meus papis de volta depois de 1 mês viajando! Eles passaram por Portugal, Itália, Croácia, España e pelo nordeste do Brasil. 
Eu fiz uma listinha singela de presentes e quando eles abriram as malas a lista tinha triplicado !!!! Uêbaaa! 
Adoçou o meu "amargo novembro", um mês que está sendo... algo difícil. 


Todos os presentes foram maravilhosos, mas os campeões foram o conjunto de facas de cerâmica com tesoura e mandolin, as cocottes, o jogo de frigideiras, o livro de receitas, os temperos da Sicilia e as conservas italianas que eu tanto amo! 
Agora muitas receitinhas novas estão por vir! 
Pai, mãe: vocês são lindos!  






terça-feira, 8 de novembro de 2011

O restaurante mais antigo do mundo - El Botín

A exatamente 1 ano atrás eu estive no El botín! Agora vendo as fotos, me lembro do cheiro de jamón, das almeijas a la marinera e do albariño regando o almoço. 
Todo mundo já sabe que foi fundado em 1725 e que figura como mais antigo do mundo segundo o livro dos records. Fica em um bairro que eu amo em Madrid, atrás do Mercado San Miguel e o preço é razoável - 50 euros por pessoa aprox. As especialidades da casa são cochinillo e cordeiro assados no forno à lenha, eu não provei nenhum dos 2 mas gostei muito do clima rústico e tradicional. 


 Com a Gutinha

 Jamón con melón 

 Chipirones en su tinta 

 Almejas a la marinera

 Antiga bodega 

Forno a lenha e a estante de cochinillos 

www.elbotin.es

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Peixe empanado e assado



Dá pra usar a mesma técnica com o peixe. É só você cortar o filé em tiras, mergulhar no mar de iogurte, suco e raspas de limão, sal e pimenta e no dia seguinte empanar na areia de salpete! 
Veja a receita completa aqui

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Tiras de frango empanadas e assadas



Eu sou louca por frituras. Acho a técnica mais perfeita da cozinha, tudo frito fica bom e combina com qualquer coisa, menos com a balança, claro. 
De qualquer maneira, o importante na vida é a gente ter equilíbrio, comer o que gosta sem deixar de ter hábitos saudáveis e manter o peso ideal. E não pense você que eu como fritinhos todos os dias. De jeito nenhum!!! Minha alimentaçao diária é baseada em frutas, verduras, iogurtes, peixes, carnes magras e cereais integrais. 
E para animar o franguinho singelo, marinei no iogurte com temperos, empanei na areia de "salpete" e assei com uma pincelada de azeite de oliva. 


Ingredientes:
- filés de peito de frango em tiras 
- iogurte natural
- pimenta do reino, sal, noz moscada a gosto
- farelo de 1 pacote de biscoito "salpete" 
- azeite de oliva 


Modo de fazer:
1- Faça um molho com o iogurte e os temperos e deite as tiras de frango. Misture bem para que todas as tiras fiquem cobertas e guarde na geladeira de um dia para outro. 
2- Quebre bem os biscoitos até virar farelo. 
3- Passe cada tira nessa areia e coloque na forma untada. Asse a forno médio por 40 minutos virando se necessário. 


Sirva com um molhinho de mostarda, tártaro, aquele arroz.. e uma boa salada!  



quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Arroz indiano




Deveria chamar arroz poesia de tão aromático, colorido e inspirador! A cozinha fica toda perfumada, notas de curry e côco! O coentro também entra na dança e lança aquele cheirinho fresco, cheiro de primavera.. E todos os ingredientes juntos, transformam o almoço do dia de semana num ballet espetacular! 


Ingredientes:
- 2 colheres de sopa de óleo
- 1 xícara de arroz basmati bem lavado
- 1 xícara de leite de côco
- 1 xícara de água 
- 2 colheres de sopa de curry
- pimenta calabresa a gosto
- coentro picado a gosto (folhas, talos e raíz) 
- sal


Modo de fazer: 
1- Coloque 2 colheres de óleo na panela e refogue o arroz. Incorpore o leite de côco, água e sal.
2- Deixe a panela destampada a fogo médio e quando começar a ferver tampe a panela. 
3- Cozinhe por 10 minutos aprox. Apague o fogo, coloque o curry, a pimenta e o coentro, tampe novamente e deixe de 4 a 5 minutos. 


Abra a panela, respire esse aroma maravilhoso e se delicie com esse arroz lá das indias! 

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Creme frio de tamarillo




Tomate japonês, tomate francês, tomate árvore ou tomatão. De textura firme e sabor adocicado, o tamarillo é um tipo de tomate que lembra goiaba, acerola e tomate mesmo, tudo numa fruta só. É originária dos Andes e hoje em dia cultiva-se na Nova Zelândia, Califórnia e no Brasil - Bahia, Minas e São Paulo. Com ela dá pra fazer chutneys, geléias, coulis, sopas e o que a sua imaginação mandar! 




Eu tenho a mania de comprar alimentos que não conheço na feira, adoro provar, inventar receitas e estudar sobre eles. Que tal você fazer o mesmo? ;-) 

Creme de tamarillo - Ingredientes para 4 pessoas: 
- 5 tamarillos sem casca (a casca é firme demais) 
- 1 dente de alho miudinho
- Azeite de oliva extra virgem
- flor de sal
- pimenta malagueta
- 1 colher de chá de açúcar mascavo 

Modo de fazer: 
1- Descasque o tamarillo e corte em 4 partes. Guarde as sementes roxas para decorar se você quiser. 
2- Bata no liquidificador com meio copo d´água e os demais ingredientes menos o azeite. 
3- Abra a tampa do liquidificador e vá colocando o azeite, contando 15 segundos enquanto o fio se incorpora ao creme. É uma boa maneira de emulsionar, resultando em consistência de creme. 

Guarde na geladeira até a hora de servir. Combina com camarão, legumes crus em palito e chips de batata, abobrinha, etc. Eu servi com queijo branco, manjericão fresco e alcaparras. 


quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Salada de trigo em grão




Pouca gente está acostumada a consumir trigo em grão, que é um alimento fonte de fibras, de vitaminas do complexo B e também contém proteínas. 


Com o trigo você pode fazer saladas, sopas, substituir pelo arroz ou acompanhar carnes e legumes. Ele demora um pouco a cozinhar. A melhor maneira é deixar de molho de um dia para outro e cozinhar na panela de pressão. Eu como tenho pa-vor de panela de pressão (tenho medo e gosto de cozinhar vendo a comida!) cozinho na panela normal, com água e sal. Demora 2 horas aprox, mas eu prefiro assim! (Outro dia me rendi à pressão e cozinhou em 15 minutos) Logo depois de cozido, refogo com azeite e cebola roxa picadinha. Deixo esfriar enquanto vou picando os outros ingredientes da salada. 


Ingredientes:
- 1 copo de trigo cozido 
- 1/2 pimentão verde picado em brunoise bem miudinha
- 10 tomates grape cortados ao meio
- 2 colheres de sopa de alcaparras
- 3 colheres de sopa de funcho picado 
- coentro picado (folhas, talos e raíz) 


Misture todos os ingredientes e tempere com azeite de oliva extra virgem, gotas de limão e flor de sal. 

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Frango light com alecrim e mostarda




Seguindo a filosofia do "menos é mais" esse franquinho é todo um êxito. Não leva quase nada, é super light e é uma boa dica pra não passar a semana no bom e velho frango grelhado.  A princípio, a lista de ingredientes parece interminável. Digo isso porque muitas vezes leio a lista de ingredientes e fico com preguiça da receita ainda mais sendo para o dia a dia. Nessa especificamente os ingredientes chave são: frango, pimentão, leite, mostarda e alecrim. E voilá! 


Ingredientes para 2 pessoas: 


- 2 filés de peito de frango em tiras
- 1/2 pimentão verde e 1/2 amarelo em julienne 
- 10 tomates grape
- 5 cebolinhas francesas cortadas ao meio
- 1 copo de leite desnatado
- 1 colher de sopa cheia de mostarde de dijon 
- sal, pimenta negra
- 1 colher de sopa de azeite de oliva 
- Alecrim fresco a gosto (eu coloco meia xícara) 


Modo de fazer: 
1- Em uma frigideira doure a cebola e o pimentão. 
2- Adicione o frango já temperado com sal e pimenta e deixe dourar bem. 
3- Coloque os tomatinhos. 
4- Em um copo misture o leite com a mostarda e incorpore à frigideira. 
5- Coloque o alecrim e deixe reduzir. O frango termina de cozinhar no leite e fica super suculento.


Sirva com arroz integral e uma saladinha de rúcula, coentro e agrião. 



segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Muffins de granola sem granola!



Essa receita eu vi no programa da Nigella enquanto me perguntava como essa senhorita não engorda mais com essa comilança toda!! 


Fiz algumas alterações; uma porque ela usava buttermilk e aqui em Belo Horizonte é mais fácil encontrar o papa, e outra porque eu não tinha granola. 
Mesmo assim para substituir a granola, fiz uma mistureba que arrasou. 
Coloquei na mistureba: 
- 1/2 xícara de chocolate lindt mousse quebrado
- 2 colheres de sopa de ovomaltine
- 2 colheres de sopa de aveia em flocos
- 2 colheres de sopa de quinua
- 1colher de sopa de linhaça
- 1 punhado de amêndoas e castanhas do pará quebradas (5 de cada aprox) 


A receita do muffin é: 
- 1 e 1/2 xícaras de farinha de trigo
- 1 col de chá rasa de bicarbonato
- 1 col de chá rasa de sal
- 1 ovo
- 1 pote de iogurte natural sem sabor
- 75 ml de óleo 
- 175g de açúcar mascavo 


Modo de fazer: 
1- Misture todos os ingredientes secos menos o açúcar. 
2- Em outro recipiente misture o ovo, iogurte, óleo e o açúcar.
3- Incorpore a mescla líquida na seca e misture pouco. Quanto mais você misturar, mais a massa vai ficar pesada e não é isso que queremos. 
4- Coloque a "mistureba" e misture bem. 
5- Passe para as forminhas ou recipientes untados e enfarinhados e asse a forno médio por 15 a 20 minutos. 


O chocolate derreteu e as castanhas deram uma crocância e um sabor....!! 

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Jantar asiático





Todo mundo já sabe da minha paixão pela comida asiática e da vontade de passar um tempão por aquelas bandas aprendendo a cozinhar de verdade! 
Quem sabe no futuro.. Outro dia mesmo eu falei aqui, nesse meu bloguinho, do sonho que seria trabalhar na Fundación Alicia e acabei conseguindo! 


Esse jantar eu fiz na minha casa pra Nina e Pedro em fevereiro e encontrei a foto perdida na minha bagunça gastronômica. 


Filé de tilápia marinado, empanado com panko e servido com sagu de soja e arroz de verduras ao curry. 
Coisa mais linda!

domingo, 25 de setembro de 2011

Biscoito de laranja e nozes





Enquanto eu pesava e misturava os ingredientes, a mamãe ralava as cascas de laranja e me contava historias da minha avó, que cozinhava hor-ro-res e fazia muitos tipos de biscoitinhos! 

Ingredientes: 
- 175 gr de farinha de trigo
- 200gr de fubá 
- 130gr de açúcar glass 
- 100gr de manteiga pomada (consistência branda) 
- 3 colheres de café de casca de laranja ralada 
- 2 ovos 
- 1 xícara pequena de nozes picadinha 
- 1 chuvinha de sal 
- sementes de papoula pra dar um charme 

Modo de fazer: 
1- Misture bem todos ingredientes em um recipiente. 
2- Descanse a massa na geladeira por 15 minutos coberta com papel filme. 
3- Pré- aqueça o forno. 
4- Unte com manteiga uma fôrma e coloque a massa já na forma do biscoito. 
5- Com a ponta dos dedos humedeça cada peça.
6- Asse em forno médio (190º) por 20 minutos aprox. 

Eu fiz e tive que sair. Quando voltei a formiguinha aqui de casa tinha comido quase a metade!!! 


quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Você tem celulite ?



Sim ? Então assista ao vídeo para tentar reverter a situação ! 
Não ? Então veja como continuar prevenindo! 


http://g1.globo.com/jornal-hoje/noticia/2011/09/conheca-os-alimentos-que-ajudam-na-prevencao-e-no-combate-celulite.html

Creme de couve-flor com camarão picante





É o creme mais rico em cálcio que eu conheço ! Receita do livro "Gazpacho" do Alberto Herráiz. 


Ingredientes para 6 pessoas: 
- 500gr de couve-flor
- 1 litro de leite
- 100 ml de requeijão ou cottage 
- 20gr de gergelim tostado (em uma frigideira antiaderente, sem óleo)
- 50gr de pão de gergelim
- 50 ml de óleo de gergelim tostado 
- 30ml de vinagre de arroz
- 1 copo d´água 
- sal, pimenta 


Modo de fazer: 
1- Cozinhe a couve-flor com o leite em uma panela a fogo bem lento. Deixe ficar bem macia. 
2- Em outro recipiente, coloque o pão, o vinagre, a couve-flor cozida (sem o leite), o requeijão, gergelim e o sal. Misture bem e guarde na geladeira por 6 horas aprox, para "pegar gosto". 
3- Liquidifique toda a mistura, incorporando o leite pouco a pouco e o óleo de gergelim, que vai emulsionar o creme. Corrija o sal e a pimenta e sirva frio. 


Eu servi com camarão miudinho picante e folhas de agrião! 





terça-feira, 20 de setembro de 2011

Bolo de abóbora com aveia






Pelo nome você vai achar que é algo parecido a "sorvete de jiló" ou "brigadeiro de alface". Mas não!! É um bolo delicioso, barato e saudável por ser cheio de fibra. 
Usei minha forma nova, presente que a Mari me deu quando estávamos passando o fim de semana em Sitges. Não é um mimo ?! :-D


Ingredientes: 
- 2,5 xícaras de chá de abóbora moranga crua, sem casca, picada 
- 3 ovos
- 2 colheres de manteiga 
- 1 xícara de leite desnatado
- 1,5 xícara de açúcar
- 2 xícaras de farinha de trigo
- 1 xícara de aveia em flocos grandes 
- 1 colher de sopa de fermento em pó 


Modo de preparo: 
1- Bata a abóbora, as gemas, a manteiga, o açúcar e o leite no liquidificador até formar um creme. 
2- Vire esse creme num recipiente e misture bem a farinha, a aveia e o fermento. 
3- Bata as claras em neve e incorpore na mistura com cuidado. Coloque em uma forma untada e enfarinhada. 
4- Asse em  forno médio (180º aprox) por 1 hora (aprox também). 


Assim que saiu do forno, eu passei manteiga e molhei no leite... ! 
Dieta: beijonãomeliga!  

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Arroz a la cubana



Eu amo essa receita. Talvez seja porque tenho carinho especial por cada um dos componentes do prato ou porque esquenta o estômago e alimenta muito mais que o corpo. 
Desde pequena sempre fui louca por um ovitcho. Arroz com ovo, pão com ovo e cebola, ovinho mole, e tinha até um suporte em forma de galinha pra apoiar esse último! 


A receita é bem facil e rápida. Você pode usar aquele arroz que sobrou de ontem, o molho de tomate que ficou na geladeira ou a banana que está quase "perdendo" (apesar de que a banana mais verde fica melhor). De qualquer maneira, vou explicar passo a passo a maneira de fazer o arroz e o molho de tomate caseiro, pra o caso do leitor menos prendado! 


Ingredientes: 
- arroz cozido ( arroz, alho, azeite, água)
- molho de tomate (1 cebola, 1 dente de alho, 1 cenoura, 5 tomates maduros, sal, pimenta, azeite) 
- ovo poché (receita aqui)
- banana frita 


Modo de fazer o arroz: 
1- Lave 1 copo de arroz cru em água abundante e escorra bem. 
2- Pique 1 dente de alho bem picadinho. 
3- Em uma panela coloque 2 colheres de sopa de azeite e o alho no azeite frio. Refogue e incorpore o arroz. 
4- Deixe dourar rapidamente e acrescente 1 copo e meio de água quente. A panela deve estar semi tampada.  Em aproximadamente 10 minutos o arroz estará pronto. Ahh, corrija o sal !  


Modo de fazer o molho de tomate caseiro: 
1- Sempre começo colocando o alho no azeite frio e ligando o fogo bem baixinho, dessa forma o alho aromatiza mais o azeite. Quando começar a "cantar" coloque a cebola e espere até que ela fique transparente. Acrescente os tomates com pele e sementes ( a pele é rica em licopeno, aquela substância que ajuda a prevenir o câncer de próstata). Em fogo baixo deixe desmanchar. 
2- Coloque a cenoura, um dedinho de água e cozinhe por 20 minutos aprox. 
3- Triture o molho se precisar, corrija o sal e a pimenta e sirva. 
Na hora de servir, coloquei no fundo da panelinha uma concha de molho, o arroz de um lado, o ovo de outro, as bananas na beirada e mais um chorinho de molho pra arrematar! 


A banana ? É só cortar em rodelinhas e dourar no azeite de oliva! É fácil ou não é ?! 

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Sopa russa, ucraniana, lituana de beterraba - Borsch



Existem várias versões dessa sopa. A versão quente é originária da Rússia e Ucrânia e as variações são feitas com feijão, cogumelos, pepino ou tomate. Já a versão fria é de origem lituana e além da beterraba que é a base, pode levar batata, suco de limão e açúcar. 


A sopinha é muito nutritiva e diferente, você também pode substituir os ingredientes por outros com menos calorias se estiver de dieta, como eu essa semana! 


Ingredientes: 
- 2 beterrabas
- 1 colher de chá de manteiga 
- 1/2 cebola picada
- 1 cenoura ralada
- 1 colher de chá rasa de açúcar
- 1/2 litro de caldo de carne (ou de legumes se você for vegetariano/a)
- suco de 1 limão 
- iogurte natural desnatado ou creme de leite fresco 


Modo de fazer: 
1- Cozinhe as beterrabas ao vapor até ficarem bem macias. 
2- Refogue a cebola e a cenoura na manteiga. Incorpore a beterraba cozida, o caldo de carne e o açúcar. Deixe ferver por 5 minutos aprox. 
3- Espere esfriar e bata no liquidificador com o suco de limão, sal e pimenta. 
4- Na hora de servir acrescente uma colher de iogurte natural. 

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Roteiro gastronômico em Madrid



É claro que esses são os melhores restaurantes na minha humilde opinião. É claro também que ficaram muitos restaurantes por visitar, que faltou tempo e o orçamento não era lá pra tanto luxo! Mas esses são os restaurantes em que eu comi bem, me emocionei, fui bem atendida, tentei pedir a receita e em um deles eu até trabalhei ! 
Todos os meus amigos que visitaram Madrid enquanto eu estava lá também conheceram e gostaram! 




1- Estado puro: 
Plaza Cánovas del castillo, 4. Bar de tapas do cozinheiro Paco Roncero, tem estilo andaluz e as tapas são o carro chefe. Não deixe de pedir as croquetas, batatas alióli e "una caña" que é muito bem tirada.
Preço médo: 30 euros por pessoa


2- El botín: 
Calle de los cuchilleros, 17. É o restaurante mais antigo do mundo. Bem rústico e tradicional, você poderá provar o cochinillo, melón con jamón e as almejas botín, deliciosas. 
Preço médio: 50 euros por pessoa 


3- Mercado de San Miguel:
Plaza de San Miguel. Nesse lugar super lindo aproveite as ostras fresquíssimas, jamón ibérico, azeitonas de vários tipos e bacalhau. Prove também os vinhos e cavas nas lojas especializadas. 
Preço médio: 20 euros por pessoa


4- La campana: 
Calle botoneras, 6. Os melhores "bocadillos de calamares" do mun-do ! Um bar antigo e típico onde os espanhóis vão comer seus bocatas. Prove também os boquerones en vinagre.
Preço médio: 6 euros por pessoa 


5- Diverxo: 
Calle Pensamiento 28. Cozinha fusión feita pelo David Muñoz portador de 1 estrela michelin. Ele usa os melhores ingredientes e aplica as mais modernas técnicas. Vale muito a pena conhecer. 
Preço médio: 90 euros por pessoa 


6- Maiia Thai:
Calle Princesa 13. O Melhor tailandês que eu ja comi na vida! As sopas são de comer rezando! Já pedi mil vezes a receita, mas a maioria dos garçons são tailandeses e falam pouco castellano. 
Preço médio: 9,90 por pessoa na hora do almoço de segunda a sexta. 


7- La casa del pulpo:
Calle Almendrales 17. Prove tudo que você puder porque é um dos melhores restaurantes galegos que eu ja fui. Pulpo a la gallega, caldo gallego, pimentos de padrón, mejillones, navajas, almejas a la marinera... tudo isso regado a muito albariño ! 
Preço médio: 20 euros por pessoa 


8- Viridiana:
Calle Juan de Mena, 14. Entregue-se as caprichos do chef Abraham Garcia e aproveite o menu degustação que vai de gazpacho de morango com jamón ibérico, passa por flor de abobrinha recheada de morcilla, segue com ovo frito com mousse de fungos e trufa de verão, carabineros e termina com solomillo e tarta de casar (um queijo divino). Além das sobremesas. Prepare-se ! 
Preço médio: 130 euros por pessoa 


9- Livraria A Punto: 
Calle Pelayo, 60. Livraria especializada em gastronomia e vinhos, também oferece cursos de culinária e muitos deles com chef brasileiro Ariel D´avila. Legal pra quem quer aprender mas não fala castellano. As donas são muito simpáticas e sempre ajudam na escolha dos livros. 
O preço varia em funçao do livro e do curso escolhido. 


10- La gabinoteca:
Calle Fernandez de la Hoz, 53. Muito divertido e informal, peça o salmorejo, ovos com trufa, perrito caliente con pedigree e um brownie que você mesmo decora na mesa espirrando chantily na pessoa ao lado! 
Preço médio: 40 euros por pessoa 


Além disso, em Madrid você pode visitar muitos museus, a plaza mayor, la puerta del sol, plaza del oriente, o palácio real, a gran via, chueca, a calle fuencarral, o Santiago Bernabeu, a feira el rastro nos domingos e "salir de cañas" em la latina! 




E eu já sinto saudades .... <3